domingo, 28 de setembro de 2008


" Vem cá, chega bem pertinho
Não fala nada
Quero apenas que sintas:
Que sintas o meu desejo..
Quero apenas que ouças:
Que ouças o meu tesão..
Tesão sussurrado,
Desejo vibrando no teu ouvido...
Tesão que toca,
Desejo que antecipa a boca, o corpo,
o gosto, o cheiro, o gozo..
Tesão falado,
Desejo gritado..
Tesão que adentra pelo teu ser
Desejo que escorre pelo teu corpo..
{..o tesão, o desejo, o delírio..}
Mesmo antes que nossas bocas se encontrem,
Mesmo antes que nossos corpos se amem.."

Queria te dar um beijo,
Molhado...denso, apaixonado
Passar a língua no céu da tua boca
Sentir você respirar em mim
Abraçar você todinho
Sentir-me envolvida , invadida
Olhar nos seus olhos
E sentir sua vontade
Olhar de cobiça
Você me atiça
Fogo ardente
De alma latente
Corpos entrelaçados
Não há mais espaços
Estão grudados
Vem com sofreguidão
Vem com amor, com paixão
Entontece meus anseios
Emudece minha vontade
Quero que você
Pretensiosamente
Confunda meus sentimentos
Desperte meu desejo
Ludibrie minha ingenuidade
Confie em seus excessos
Que te deixo, mansa
Entrar em mim...

SE MINHA CAMA FALASSE.....


Diria que estou queimando os lençóis;
que meus sussurros se tornam gemidos;
Que meus dedos são como anzóis;
Em meu sexo, retorcidos.
Diria que pareço uma serpente;
Me retorcendo nesse martírio;
Que dentro de mim há uma chama ardente;
Incendiando com meu delírio.
Ao meu alcance há uma fruta;
A mais semelhante ao teu falo;
Com ela penetro minha gruta;
Num êxtase total, gozo e me calo.
Meu sexo ainda te quer;
Mas aos poucos os nervos relaxam;
Meus desejos de mulher;
Com o sono também passam.
E assim são minhas noites;
De sonhos delírios e fantasias;
De carinhos e açoites;
Sozinha, numa cama fria.

MEU DESEJO INFINITO


Sob o chuveiro, sabão e beijos
Quero te tocar e ser tocada por ti.
Meu peito apoiada nas tuas costas
A língua no pescoço, ao redor da nuca;
Teus músculos se retesaram
Ofertando uma parte de ti!
Quando vejo por uma nesga de camisa
A fluidez da beleza
É tão somente desejo escorregante
Que penetra em mim,
Tornando-me uma escrava
De corpo e alma.
Te desejando,
Pedacinho por pedacinho,
Percebo que a tua totalidade
Me escapa
Deixanda-me desesperada e faminta
De uma maneira quase servil.

Não, não quero no teu corpo
saciar meus desejos.
Quero sim...
Quero vivê-los tão intensamente na
mornura dos teus beijos.
Não, não quero saciar-me
nessa branda ternura.
Quero sim...
enfim saborear teus beijos tua doçura...
E no teu corpo navegar.
Comandar esse destino,
afagar teus cabelos em desalinho...
E remar... sem ter pressa de chegar.
Quero, ah como quero!
Quero prolongar minha viagem,
apreciar no teu corpo essa paisagem...
E navegar... oferecer meu carinho que é só teu,
sem pressa de chegar.
Não, não quero nostalgia,
quero teu sorriso e alegria...
Navegar... Navegar em poesia,
na felicidade de amar-te.

Sinto sua boca
Respirando em minha nuca
Fecho os olhos
Luto contra meu desejo
Cerro os punhos pra evitar o calafrio
que insiste em aumentar
Suas mãos me apertam
Solto um gemido abafado
Puxada por trás
Minhas ancas não me obedecem
Rebolam pra vc
Vontade irreprimível de ser invadida
Sinto-me de novo devassa
Imploro por vc
Baixo a cabeça e me entrego,
agora já resignada ao usurpador de mim...

sábado, 27 de setembro de 2008

Vem.....!


Jogue-me na parede,
Puxe meus cabelos,
Desnude minha nuca,
Aperte-a...
Vem...!
Passe sua língua em meu pescoço...
Sugue,
Lamba,
Morda.
Vem...!
Beije minha boca,
Sinta meus lábios,
Minha língua,
Minha saliva lasciva.
Desça por meu corpo,
Procure meu colo macio,
Meus seios com mamilos excitados.
Vem...!
Faça-me estremecer,
Arrepiar,
Gritar,
Uivar,
Gemer em deleite.
Vem...!
Invada meu sexo com mãos e boca,
Deixe-me enlouquecida,
Estremecida,
Excitada,
Umedecida.
Vem...
Excite-me,
Chegue perto.
Diga coisas úmidas em meu ouvido.
Geme baixinho,
Encaixe gostoso seu corpo no meu.
Deixa-me ser ordinária,
Atrevida,
Tímida,
Requintada.
Misture seus palavrões
Aos meus sussurros de poesia.
Faça-me rasgar lençóis de seda,
Conter meus gritos de prazer
Em beijos molhados.
Chegue perto.
Deixa-me ser gata selvagem,
A gemer,
Gritar,
Uivar no fogo do prazer,
Do desejo...
Vem...
Vem gostoso,
Deixa-me te arranhar,
Morder,
Lamber,
Sugar...
Deixa-me sentir a textura de sua pele,
O gosto de seu desejo,
O calor de seu corpo.
Vem...
Vem depressa,
Não me faça esperar!...
Deixa-me sentir seu corpo me invadir,
Mergulhar,
Penetrar...
Vem...
Deixa-me cair em êxtase,
Em clímax,
Em ápice do gozo fenomenal.
Faça-me mulher.
Faça-me sua fêmea do prazer,
Sua fêmea do sexo.

Vontade de seu cheiro


Acordei hoje com vontade de seu cheiro
igual a um certo cheiro que certo dia voce me mandou
Bem atrás do pescoço voce falando manshinho
gostoso e com carinho querendo me ganhar bem devagarinho
e eu, tadinha, ficando aos poucos toda derretidinha
sem mínimas condições de sequer pronunciar algo
parecido com um não
Pois só o "sim" me vem a cabeça
num momento gostoso desse
carregado de interesses
deliciosos e cheio de tezão

Sentimentos


Procuro guardar o que sinto
Não quero perder seus olhares
Não quero deixar que se vá
O que sinto quando me toca
E te sinto em mim tão perfeito
Que pode o tempo esquecer
E nos deixar por aqui
Com suas mãos me envolvendo
Conhecendo cada espaço
Descobrindo o que já sabe
Marcando meu corpo como seu
Trocando nos olhos o eterno
Toda sua em cada toque
Sou inteira pra você
Você para sempre só meu

domingo, 21 de setembro de 2008

PRAZER E AMOR


Tenho pele quente,
corpo vibrante
quando toca-me sinto teu extremecer
vem ate mim, olha-me com cobiça
teu olhar prende-me, cativa-me
antecipando o prazer de momentos
nossos labios se encontram
num beijo quente, ardente
de repente parece pouco
um sabor de quero mais envade a alma
o corpo estremece ...
seus labios descem devagar
tocando, acariciando
arrancando suspiros e sussurros
levando ao inebriante sentir
tua boca para em certo momento
um olhar a mim e...
de repente toca com a lingua
gritos ...de prazer explodem
de meu ser sinto tua lingua dentro
de mim em mim como num sonho
levando -me ao extremo
entao ...troco de posição
e com meus labios exploro -te
cada parte do teu corpo
levo-te ao deliro com a lingua
mordisco ,acariciando descendo ,
descendo...ate chegar em teu ser
com maos ageis ,labios quentes
domino-te o corpo deixo-te entrar
numa entrega magnifica num momento
de loucara abro-me a ti com desespero
deixo-te me completar
todos os dias ..todas as noites
voce em mim eu voce ....

domingo, 14 de setembro de 2008

Aмσr


A Sємєηtє Єtєrηα
Dє tσdαs αs sємєηtєs
Mєηtαis qµє þlαηtαмσs
α qµє мαis vαlє α þєηα
É σ Aмσr
Єlα ηãσ tєм þrєssα
Agµαrdα σ tємþσ dє gєrмiηαr
Єscσlђє σ cαмþσ þrσþíciσ є α ђσrα idєαl
Ŋãσ fαlђα ηãσ vσltα vαziα
Cσмσ lємbrαηçα єlα sµrgє α tσdσ iηstαηtє
Cσмσ rєαlidαdє tєм sєµs мσмєηtσs
dє мσstrαr os frµtσs
Vαlє α þєηα sємєαrмσs єstα þrєciσsidαdє
Iηvistαмσs ησ Aмσr!

Meus Desejos de Mulher


Meus desejos de mulher
São tão simples e tão complexos!...
Se quero ser fêmea
E possuir com paixão,
Quero também ser menina,
Que em braços fortes se aloja.
Uma mulher que sonha,
Que deseja,
Que dá de si mesma
Tudo quando pode,
Tudo quanto deve,
Tudo quanto sabe.
Uma mulher que beija
E se deixa beijar.
Que ama e se deixa amar.
Que possui e se abandona.
Quero ser tudo e ser nada,
Ser amada em madrugadas
E acordar aninhada em braços firmes,
Protetores e senhores.
Sei que sou contradição
Pois vivo de paixão
E por carinhos incontáveis
Quero me deixar.
São esses meus desejos de mulher.
Quem, poderá assim me amar?

Um Ato Sexual


De pele a pele
o apelo se insinua,
minha boca desperta
e se esfrega na tua.
De peito a peito
teu toque incendeia
viva chama contida
e em meu corpo
teu corpo vadeia.
Na pele, pelos se misturam;
na boca, o orvalho umedece
palavras presas que
caem em cascatas
sobre os montes sagrados.
Na carne linda e nua,
brilham gotas
néctar da flor;
deixam rastros,
caminho da vida;
tornam vida,
um sonho de amor.

"MOMENTOS"


Momentos
São para esquecer ou lembrar,
sorrir ou chorar...
Momentos
são feitos de olhos, bocas, mãos,
são feitos de pernas e coração,
de emoção e sentimentos...

Momentos
são partidas e chegadas,
lua, sol e entardecer,
silêncio, cama fria, música,
poesia, boêmia, madrugada...

Momentos
são feitos de olhares que cruzam,
luzes que apagam,
corpos que fundem,
palavras que confundem,
sensações enexplicáveis...

Momentos
são partículas do tempo,
lembranças por vezes querida,
por vezes doídas,
pequenas feridas que
paralizam breves pensamentos.

Sєđµçãσ


Cαlα ηα мiηhα вσcα тєµs đєsєjσs
мαтα ησ мєµ cσrþσ тєµs αηsєiσs,
sєjα þσr hσjє đσησ đσ мσмєηтσ
є livrє-sє đσs sєµs đєvαηєiσs.
Cαlσ ηα тµα вσcα α вσcα мiηhα
мαтσ ησ тєµ cσrþσ мєµs đєlíriσs,
sσµ þσr hσjє тµα αмαηтє rαiηhα
α livrαr-мє đєssα đσcє αgσηiα.
Cαlα ηα мiηhα вσcα тµα þαixãσ
мαтα α sєđє đσs sєµs вєijσs,
sєjα þσr hσjє µм hσмєм þєrfєiтσ
єм мiм тєηs σ cσrþσ є σ þєηsαмєηтσ.
Cαlσ ηα тµα вσcα мiηhα lσµcµrα
мαтσ α sєđє єм мσviмєηтσs,
és þσr hσjє мєµ cαvαlhєirσ
єм тi тєηhσ тσđσ є qµαlqµєr đirєiтσ.

A sua imagem... pelo meu pensamento...
O seu cheiro... pelo meu sangue...
A sua voz...as suas palavras...pelo meu desejo...
Deslizo...As minhas mãos pelo seu corpo
pelo seu peito...pelas suas coxas...
A minha boca pelos seus lábios...
O meu corpo pelo seu...
Deslizo...as palavras ardentes...
quentes... gostosas...
paixões incontroláveis...infinitas...
Deslizo...Trêmula... nervosa pelo meu desejo...
De não deixá-lo .... deslizar
Por entre as minhas mãos...

FAZER AMOR CONTIGO....


Fazer amor contigo,
é gemer ao toque das tuas suaves mãos
contemplar o teu corpo
é sentir o prazer na minha carne
Subir pelas paredes
e descansar nas nuvens do prazer
Fazer amor contigo,
é ser escrava das tuas fantasias
ser acariciada com a poesia dos teus gemidos
satisfazendo as tuas as minhas vontades,
nesse misterioso instante,
quando elas se encontram
Fazer amor contigo,
é sentir o desejo,
em todos os poros do meu corpo
É saciar a minha língua,
entrelaçando com a tua
Fazer amor contigo.
É ser tocada por todo o teu corpo,
Na minha alma.

ME ESQUENTA POR INTEIRA....


Venha e me acaricie toda
Venha e me esquente por inteira
Venha e derreta todo seu amor
Venha me fazer explodir de tesão
Me lamba até chegar a hora
Me esquente até ferver
Me envolva no tesão eterno
Me faça rir de amor
Faça tudo que quiser…

QUERO ME PERDER EM SEU CORPO


Quero me perder em seu corpo,
lamber cada gota do seu suor,
sentir seu membro latejante e ardente dentro de mim,
que espera quente e úmida.
Quero que você sinta o meu mel,
e se delicie enquanto eu entro em êxtase…
Gemendo, uivando de tanto prazer…
Quero sentir seu gozo, jorrando deliciosamente,
quero depois, senti-lo na minha boca, lambendo,
chupando, e me deliciando de tanta volúpia.
Te quero...

DESEJO INDECENTE


Ah, desejo indecente
Que invade minha mente
Me enlouquece de prazer
Fecho os olhos a sonhar
E te sinto a me tocar
Fazendo o corpo estremecer,
Sua boca castigando
Pelas curvas deslizando
Fazendo a pele queimar
Não sei como segurar
E não me entregar
A esse desejo vulgar,
Sei que é loucura
Mas não há cura
Para essa louca paixão
O que quero é te amar
E sem medo me entregar
De corpo alma e coração
Até quando vai durar
Esse jogo sedutor
Até quando vamos ficar
Brincando de amor!

DESPUDORADA


Despida de pudores,
visto-me de fantasias…
Faço do teu corpo o meu refúgio,
a minha mais pura alegria.
Necessito te sentir em mim…
dentro, fora, por cima, de lado,
de qualquer jeito.
Quero escalar teus cumes,
banhar-me em teu suor,
afogar-me na saliva de teus beijos,
sentir teu gosto,
saciar meu desejo.
Te quero meu homem.
Vem…
Me tome,
me sugue gostoso,
lambuze o meu corpo
com nossas seivas ,
sussurre no meu ouvido,
me arrepie,
me faça gemer de prazer,
me faça mulher…amada,
saciada, despudorada!

sábado, 13 de setembro de 2008

"EU, VOCÊ, NÓS..."


Perdi-me no teu corpo
Tranquei-me em teu peito
Entreguei-me por inteiro
Às delícias deste amor
Que me une
Que me aproxima
Mergulhei em teu suor
Saboreei o que há de melhor
Em tuas curvas perfeitas
Em teus pelos mais íntimos
E me achei
Perdendo-te em meu corpo
Trancando-te em meu peito
Entregando-te por inteira
Às delícias deste amor
Que te une
Que te aproxima
Mergulhando em meu suor
Saboreando o que há de melhor
Em minha pele mais áspera
Em meus pelos mais íntimos
E te achei
Então
Perdemos-nos em nossos corpos
Trancamos-nos em nossos peitos
Entregamos-nos por inteiro
Às delícias deste amor
Que nos une
Que nos aproxima
Mergulhamos em nossos suores
Saboreando o que há de melhor
Em tuas curvas perfeitas
Em minha pele mais áspera
Em nossos pelos mais íntimos
E nos achamos.

SAUDADE


Que saudade de seu beijo molhado
Seus lábios macios,
Do seu beijo com sabor de pecado
Que me provocam arrepios
Que loucuras me levaram a fazer
Para seus beijos ter
Beijos doces, puro mel
Muitas vezes levaram-me ao céu
Ainda guardo na boca o sabor
Delicioso de seus beijos de amor
Que meu coração fazia disparar
Com o desejo de
Somente te amar
Que saudades de seus beijos
Dos seus lábios nos meus,
quantos desejos
De sua boca na minha,
que coisa louca
Beijar sua boca !

Me leva por caminhos
de amor e prazer
Se inflame
na chama do meu corpo
Me sufoca,
Me enrosca
De forma natural
se entregue,
Me pega
Me laça,
Me abraça
Vem me induzir
aos seus anseios
e aos meus desejos
tão loucos
que aos poucos vão nos
consumindo de tanto
amor e prazer
Eu quero seu amor
a qualquer preço
Quero que você
me tenha por inteiro
Quero seus beijos ardentes
tão doces...
tão quentes...
e me embriagar no perfume
do seu corpo
para que possamos viajar
nesse amor tão bonito.

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

MEU EU EM VOCÊ...


Eu sou o brilho dos teus olhos ao me olhar
Sou o teu sorriso ao ganhar um beijo meu
Eu sou teu corpo inteiro a se arrepiar
Quando em meus braços você se acolheu
Eu sou o teu segredo mais oculto
Teu desejo mais profundo, o teu querer
Tua fome de prazer sem disfarçar
Sou a fonte de alegria, sou o teu sonhar
Eu sou a tua sombra, eu sou teu guia
Sou o teu luar em plena luz do dia
Sou tua pele, proteção, sou o teu calor
Eu sou teu cheiro a perfumar o nosso amor
Eu sou tua saudade reprimida
Sou o teu sangrar ao ver minha partida
Sou o teu peito a apelar, gritar de dor
Ao se ver ainda mais distante do meu amor
Sou teu ego, tua alma
Sou teu céu, o teu inferno a tua calma
Eu sou teu tudo, sou teu nada
minha pequena es minha amada
Eu sou teu mundo
sou teu poder
sou tua vida sou
MEU EU EM VOCÊ...

NUS


clamando um pelo o outro
num deslize infernal.
Na procura e no encontro
pele a pele...
Deslizo nua em ti
de baixo a cima.
Vais sentir roçar no teu corpo
o meu rosto,
os meus cabelos e os meus seios,
o meu ventre e as minhas coxas
e o meu sexo húmido de prazer.
Quero sentir-te na totalidade.
Deslizo em ti ,
de frente,
de lado,
e de costas,
e eu sei como gostas !
E com uma estocada bem
fortefazes-me sentir a tua virilidade.
Aperta-me com o teu furor
de um amante perfeito,
que me quer
de frente e de costas,
rasga-me toda !!
E num encaixe perfeito
chegamos juntos
à plenitude do AMOR,
SUBLIME ORGASMO.

VEM, ME TOMA....


vem, me toma,
me doma
e me come.
sacia o meu desejo,
a minha sede
e a minha fome.
me abraça e me amassa,
me vira do avesso
pára de invadir minha cabeça
e me deixar pirada
alucinada de desejos
pára de invadir meus sentimentos
e me fazer faminta
por te devorar inteiro
pára de invadir a minha pele
com carícias perversas
que corroem as vísceras
para de me invadir
e vem penetrar meu corpo
até os ossos, as entranhas, a essência.
me despedaça.
me mata de paixão,
senão eu morro de tesão

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

TUA BOCA


É meu desafio
É tentação
Um pecado
Misto de delírio,
mistério e sedução
Tua boca
É minha fraqueza
Me faz perder o controle
Me faz esquecer o mundo
É doce e insinuante
Me faz me perder de mim
Fico louca, enfeitiçada
Te quero
Ardente chama
Louco desejo, atração fatal
Deliciosa traição
Me faz covarde
Diante de mim mesma
Inocente e pecadora
É fogo que me queima a alma
Explode o coração
Incendeia desejos
Anjo do meu Pecado...

DELÍRIOS QUE SÓ TENHO COM VOCÊ!!!


Fico lembrando das inúmeras vezes em que fiz amor...
Na verdade, eu não amava...mas,
mesmo assim buscava desesperadamente, sentir o prazer de um orgasmo...
Hoje, quando fazemos amor, é que eu sinto o quanto eu não tive...
Pois cada toque seu, me faz estremecer e delirar antes mesmo que esteja em mim...
è maravilhoso te sentir me tocando, me descobrindo,
buscando em mim os sussurros e gemidos que nem um outro jamais ouviu...
E sem que eu possa esperar estou me contorcendo, gemendo alto,
quase chorando de tanto prazer...
mas você ainda não está em mim...
só está brincando com meu corpo, me deliciando...
Ahhh!!!como é bom essa sensação que sinto e que vai aumentando
até que você como louco de desejo entra em mim e mais gritar...
me faz estremecer de tanto tesão...
desde em que me tocasse pela primeira vez...
não houve um só dia em que eu não já estivesse completamente excitada
só ao começar os seus toques...
Enfim...gozo...como nunca gozei em minha vida...
Te sentindo dentro de mim...
mexendo e gemendo ao meu ouvido...
um delírio!!!
adoro fazer amor com você...
Pois esse delírio...só tive e tenho com você

TENTAÇÃO


Não me tente, ó menino,
Com essa beleza divina
Que me mostra, quase nu...
Não me tente, que enlouqueço,
E dos pudores esqueço,
Ante o que me insinua...
Há tempos que o desejo,
Sonho doida com seu beijo,
Sua boca de sedução...
E agora o vejo assim,
Projetar-se sobre mim,
Com tanta provocação...
Se me tenta, desejoso,
Qual um gato manhoso,
Com tanta desfaçatez,
Vou deitá-lo sobre a relva
E qual as feras na selva,
Possuí-lo de uma vez!

ASSIM TE QUERO!!!


Imaginar você
É mais que um exercício
Quando tocada por suas mãos
Guiadas pelas minhas
E sugar seus lábios
E ouvir apenas meus gemidos
Teu corpo forçando o meu
Numa procura
Que não se aceita um ''não''
Aquele jeito gostoso
De descer a língua assim...
Caminhando pelo meu ventre
E cheiro do desejo que vem de você
Que me enloquece
Tuas palavras que me ordenam
Me submetem
Me fazem obedecer
Por meu corpo só sabe dizer-te sim
Sempre sim
Faço do meu corpo
Templo do teu prazer
Minha carne caminho de teu desejo
Ser usada ...Meu desejo...
Menino travesso que me maltrata
Me ilude
E eu adoro
Porque meu paraíso é tua carne
Impregnada da minha dor
banhada em seu suor
Tua carne dentro de mim
És meu dono
Porque te amo
Assim te quero!!!

Meu corpo treme...
um frio gostoso sobe pela espinha...
quero-te... agora...neste minuto...
antes...e depois...
Quero tua mão buscando meu corpo...
teu cheiro...teu sabor...
teu corpo encostado ao meu...
quero tua boca se esfregando na minha
loucamente...sem pudor...
numa fúria sem limite...
Quero teu sexo dentro de mim...
penetrando-me...loucamente...
Quero ouvir...meu corpo gemer por ti...
Quero ouvir-te sussurrar..meu nome...
Vem...faz-me...tua fêmea... teu amor....
Sacia minha loucura...meu desejo...
desvenda meus segredos...
deixa que meu gozo se misture no teu...
depois...abraça-me...beija-me....
acaricia-me.
mas...só depois...

ESCREVENDO EM TEU CORPO


Escrevendo em teu corpo
Quero imprimir em teu corpo
o que possuo em minh'alma,
Quero ler feito uma louca,
e poder contemplar com calma.
Quero tatuar as minhas emoções,
quero marcar todo o prazer,
e sob teu corpo permanecer,
revivendo assim as paixões.
De que serve tudo ter, tudo saber,
Assim se em teu corpo escrever,
Se um dia a memória desaparecer,
Nunca mais te poderei esquecer.
Seja por encanto ou fantasia,
Quero rescender a nossa paixão,
Quero que tu e eu sejamos magia.
Não quero que seja uma ilusão.
Por tudo isso...
Quero imprimir em teu corpo
o que possuo em Minh'alma.

sábado, 6 de setembro de 2008

DEVORA-ME


Sentir você...
tuas palavras...
teu perfume...
sentir você inteiro dentro de mim!
Sentir cada sussurrar do que me dizes...
lentamente…
Sentindo....
teus olhos dizendo palavras em fogo...
queimando-me!
Deixando-me completamente fora de mim!
Sentir você…
caminhando todo o percurso febril do meu olhar....
Imaginando-me, morrer alí...
naquele momento....
Morrer no silêncio doce de tua boca em mim!
devore-me!
Diga que sou única...
Tire-me a roupa no olhar....
Deixe-me nua em pêlo....
e em meus pêlos...
deixe-me sentí-lo invadindo
todas as paredes de minhas entranhas!
Vem pra mim agora....
Devore-me!
Não espere que eu diga alguma coisa...
Espere apenas por mim....em tí!
Espere e sinta o calor que explode em mim....
o fogo que te implora....entre lençóis...
portas fechadas...gritos presos ...
vontade de você!
Vem prá perto de mim e sem nada dizer...
apenas, devore-me!
Ensina-me a ser insinuante...
ensina-me a possuir-te…
apenas num olhar!
Vem pra mim...faz-me juras
maliciosas...
Devore-me!!!

Vc me possui,
loucamente,
me beija, me toca,
toca meus cabelos,
beija meus olhos,
meu pescoço,
fecho os olhos sentindo
cada sensação deste caminho.
seu corpo começa delirar
vc me agarra,
percebo que te deixo louco
voce me joga na parede,
e fala palavras
em todas as línguas,
sem nexo não são
palavras de sexo,
você sussurra:
eu adoro isto,
eu te amo!!!
eu te quero!!!
porca la miseria!!!
madonna mia,
Te beijo na boca
de língua,
conhecendo teus céus
E teus infernos,
Você diz :tu sei mia inamorata,
por um momento
apenas por um momento
vivi um sonho
o sonho de ser tua,
só tua.
sedutora da alma